Domicio do Nascimento Junior
 

Seleção para leitura
Consorciacao de pastagens
Manejo do Pastejo
Considerações do Professor
Avaliação de Pastagens com Animais
Avaliação de Forrageiras
Avaliação da Digestibilidade
Anatomia e Histologia
Adubação nitrogenada
Consumo
Capim-Elefante
Desfolhação
Degradação de Pastagens
Formação de pastagens
Ecologia
Fixação de Nitrogênio
Fenação
Irrigação de pastagens
Glossário
Manejo de pastagens
Morfogênese
Nutrição a pasto
Queima de pastagens
Produção de Matéria Seca das Pastagens
Perfilhamento
PRODUÇÃO ANIMAL A PASTO
Pastagens Nativas
Produção de sementes
Principios de Fisiologia
Pragas das pastagens
Raízes
Reciclagem de Nutrientes
Silagem
Seletividade animal
Suplementação
Sustentabilidade de pastagens
Valor Nutritivo

   Sustentabilidade de pastagens

      IMPACTO ANIMAL SOBRE O COMPONENTE ABIÓTICO DO SOLO:CICLAGEM DE NUTRIENTES E COMPACTAÇÃO
       
  11/6/2001  

ALUNO: OLDAIR VINHAS COSTA
PROF. DOMICIO DO NASCIMENTO JR.
ZOO650-FORRAGICULTURA
PRIMEIRO SEMESTRE DE 2000

O bom crescimento e desenvolvimento das plantas, os quais as levam a produzir grãos, fibras e outros produtos comerciáveis, dependem da harmonia de uma série de fatores ambientes. A absorção de nutrientes é um dos fatores importantes para que se tenham boas produções, e pode-se dizer que qualquer obstáculo que restrinja o crescimento radicular reduz tal absorção (CAMARGO e ALLEONI, 1997).
Um solo fértil pode ser descrito como aquele no qual as condições
existentes são favoráveis para o crescimento das plantas úteis à humanidade.
Seis requisitos necessários para a planta são fornecidos pelo solo: primeiro, água; segundo, oxigênio; terceiro, temperatura (calor); quarto, espaço para as raízes (permeabilidade ao desenvolvimento radicular); quinto, pH da solução nos poros do solo, e, finalmente, em sexto lugar nutrientes, não se tratando neste caso da
ordem de importância e sim da importância da ordem (Russel, 1913 citado por MARCOS, 1996).
Segundo MARCOS (1996), atualmente em algumas instituições como a Sociedade Brasileira de Ciência do Solo e em todas as faculdades de Agronomia do Brasil, da Holanda, da Bélgica, da Alemanha, dos EUA, entende-se por fertilidade do solo a capacidade, a habilidade, o poder, a qualidade que tem o solo
de fornecer nutrientes às plantas. E como complemento a essa noção incompleta de fertilidade, rotineiramente é acrescentada a afirmação de que também são importantes algumas propriedades físicas do solo.
 
Retornar Seleção para leitura Artigo  sem moldura do site
 
   :: Fale Conosco ::
Todos os direitos reservados Domicio do Nascimento Junior. Produção do WebSite Valter Lobo